top of page

O brilho que aprisiona




Atente para os seguintes sinais:

  • Necessidade constante de admiração e elogios.

  • Falta de empatia e preocupação com os sentimentos dos outros.

  • Um senso de superioridade e arrogância.

  • Maipulação e exploração de outros para benefício próprio.

  • Inveja e rivalidade com os outros.

  • Fantasias de sucesso ilimitado, poder, brilho, beleza ou amor ideal.

  • Dificuldade em manter relacionamentos saudáveis e duradouros.

  • Comportamento egoísta e busca por constante gratificação pessoal.

Sinais terríveis e tudo junto em uma pessoa só... você já imaginou isso? E nesse momento, você deve estar pensando... "eu nunca namoraria alguém assim."

É mesmo? E se eu te disser que esse pacote de maldades vem embrulhado em um papel de presente bem bonito, com tudo isso aí bem camufladinho? Pois é essanotícia que eu te dou. Isso tudo vem em um cavalo branco, com uma aparência bem legal e com uma atração da magntude de um buraco negro. Assim se apresentam os Narcisistas.

Um narcisista é alguém que tem um excesso de amor próprio extremo, buscam constantemente por atenção e validação, são grandes manipuladores. O narcisismo pode se manifestar em diferentes graus, desde traços de personalidade até um transtorno de personalidade grave.

O transtorno de personalidade narcisista é um transtorno mental e comportamental no qual uma pessoa possui um padrão persistente de grandiosidade.

Os narcisistas tem dificuldade em lidar com críticas além de todos os atributos já mencionados, isso pode provocar sofrimento significativo para o próprio narcisista e para os que estão ao seu redor.

A "vítima" do narcisista pode ser qualquer pessoa que interaja com ele, como parceiros românticos, menbros da família, amigos, colegas de trabalho e até mesmo os profissionais de saúde mental. Ela frequentemente experimenta manipulação emocional, abuso psicológico, desvalorização, falta de empatia, entre outras importunações e sente-se constantimente invalidado, desqualificado, incompreendido e subjulgado pelo narcisista, porém mesmo assim, não consegue se livrar facilmente dessa relação abusiva.

É necessário um fortalecimento emocional, uma reestruturação da auto-estima e de sua auto validação. Para isso, a Terapia é o melhor caminho.



O Psicólogo pode validar e reconhecer a dor, o sofrimento e a confusão que uma vítima sente, acolhendo o paciente com sua escuta clínica e compreensão sem julgamento moral e de valores. Na terapia com a ajuda do Psicólogo, o paciente pode reconhecer os padrões de comportamento que lhe causam sofrimento e de que não está sozinha nessa situação, já que calar a vítima é um dos comportamentos reccorentes do narcisista. Na verdade, além de tirar a voz da vítima, o narcisista também enclausura sua vítima, afastando-a de família e amigos. A terapia é uma ferramenta de auxílio para a reconstrução emocional da vítima, que ao se fortalecer consegue lidar com as emoções complexas associadas ao abuso, como raiva, tristeza, culpa e vergonha.

O trabalho do Psicólogo é levar o paciente ao desenvolvimento da auto-estima e autonomia, recuperar confiança e fortalecer sua capacidade de tomar decisões autônomas; estabelecimento de limites saudáveis a fim de proteger-se de futuras ciladas.




2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commenti


bottom of page